O que é o Big Data

Já pensou no que fazer com tanto dados disponíveis em sua empresa? Como tratar todos estes dados sem utilizar muitos softwares e funcionários? Como atingir melhor seu público alvo e eliminar desperdícios? O Big data é uma ferramenta que trata todos os tipos de dados acessíveis por regiões e te ajuda a cruzar eles para melhores escolhas em seu negócio.

O que é o Big Data

O que é o Big Data

O conceito que revigora desde 2000, que cruza todos os dados possíveis de ser encontrado para dar uma resposta mais direta, otimizada e satisfatória a um grande volume de dados estruturados ou não estruturados que impactam as empresas todos os dias. Para a análise feita por esta ferramenta, não importa a quantidade de itens a serem tratados, e sim, o que as empresas fazem com estes dados.

O que são dados estruturados e não estruturados

Os dados lidos pelo Big Data podem ser dados estruturados, ou seja, dados que possuem uma localização, tipo de venda, contato e quaisquer outras informações sobre o perfil do cliente. Já os dados não estruturados são aqueles em que não há uma classe de separação entre os dados (reclamações, redes sociais etc), há somente a existência deles, sendo necessária a ajuda humana para seu tratamento.

As dimensões analisadas pelo Big Data

Segundo o analista Doug Lanev, o Big Data analisa as dimensões: volume, velocidade, variedade, variabilidade e complexidade, ou seja, o Big Data intercala um grande volume de informações processadas numa velocidade sem precedentes de diversificados formatos com fluxos incoerentes de muitas fontes.

Importância do Big Data

A importância da utilização do Big Data está no que ele faz com os dados disponíveis, e não necessariamente com a quantidade de dados com que ele trata, devida sua capacidade de observar e retornar resultados de diferentes fontes de informações, podendo reduzir os custos, otimizar o tempo para tratamento dos dados, desenvolver novos produtos e melhorar ofertas a partir dos direcionamentos apontados pela ferramenta e a tomada de decisões mais impactantes no seu negócio.

Vantagens Big Data

A ferramenta foca em processar tanto dados estruturados como não estruturados além de fazer o retorno da viabilidade desses dados estudados, consegue analisar os dados existentes e os que estão por aparecer além de sugerir diferentes alternativas, muito utilizado quando se deseja explorar diferentes alternativas, consegue proporcionar a percepção de padrões e levantar dúvidas não apontadas e, sua melhor vantagem, sua aplicação pode ser para diferentes áreas: empresarial, saúde, educação, financeiro e entretenimento.

Lugares aonde o Big Data é utilizado

Assim com apontado, o Big Data é uma ferramenta essencial para o desenvolvimento progressivo de organizações. Sendo assim, o Big Data têm sido muito utilizado em todo o mundo, como se pode citar os arquivos de servidores web, leitura de conteúdos de mídias sociais, relatórios empresariais, indicadores macroeconômicos, textos e/ou emails de consumidores para a empresa, dados de empresas de cartão de crédito, reviews de produtos industriais, pesquisas de satisfação etc.

Por que usar o Big Data

Muitas organizações passam dificuldades ao tratar seus dados, gastam com softwares que as vezes nem resolvem seus problemas ou não são suficientes além do gasto atrelado a um profissional especializado que saiba mexer com estas ferramentas. O Big Data trata corretamente os dados, ajuda nas dúvidas decorrentes que existem diante de um banco gigante de dados além de reduzir custos e o tempo.

8 leis que o Big Data

O Big Data segue oito pressupostos que fazem do seu desenvolvimento rápido e otimizado. São estes pressupostos:

  • O valor preditivo será maior quando se obtiver mais dados para analisar,
  • manter sempre uma cópia dos dados em somente um lugar,
  • usar sempre dados diversificados,
  • depois do tratamento os dados apresentam valor muito além do imaginado contudo é bom utiliza-los e guarda-los,
  • fazer o planejamento exponencial sempre,
  • usar sempre a ferramenta para analisar problemas pontuais,
  • mesclar dados de diversos perfis de pessoas e
  • tentar sempre manter a mente aberta para acompanhar a evolução do Big Data.

Curiosidades sobre o Big Data

Lembrando que o Big Data é uma ferramenta que procura encontrar soluções alternativas para problemas do dia a dia, e não uma ferramenta que tratá milagres para o seu negócio, esta ferramenta funciona através de coletar dados, ingerir, descobrir mais informações e limpar, integrá-las, analisar das melhores formas e entregar resultados.

Pontos sobre Big Data

O Big Data trata de pessoas e seu perfil, tradições, costumes, manias e buscas e não somente dos seus dados; os smartphones são a maior geração de informações que existem para o Big Data; esta ferramenta será cada vez mais relacionada à compreensão de padrões individuais dos seres humanos, delineando-nos cada vez mais.

Etapas de Funcionamento do conceito Big Data

O funcionamento da ferramenta Big Data é realizad através de quatro fases. A primeira é caracterizada pela coleta dos dados brutos. A segunda está relacionada à classificação destes dados recolhidos. A terceira diz respeito ao processamento destes dados recolhidos e organizados. A última etapa é descrita por ser a finalização do processo de análise dos dados através do retorno dos resultados encontrados.

Funcionamento do Big Data

No funcionamento do Big Data, a coleta de dados brutos analisa transações, dispositivos móveis, logs etc. Ele permite que o desenvolvedor consiga ingerir uma grande quantidade de informações que por atividade humana não seria possível. Na próxima etapa é a classificação destes dados recolhidos em arquivos. Os dados são armazenados em repositório seguro que guarde as informações mesmo depois de a ferramenta as processar. A próxima fase é a de processamento e análise, onde os dados brutos recolhidos são convertidos a um formato consumível, onde possam ser utilizados. A última fase é o consumo e visualização, onde o objetivo é retornar informações práticas e de valor significante.

Big data é uma boa alternativa

O Big Data, além de proporcionar uma economia às organizações quanto os softwares necessários para tratar os dados assim com os funcionários para tratarem os mesmos, ele identifica as tendências de mercado e buscas das pessoas, relacionando tudo o que elas procuram e compram e mostram como resultado um direcionamento sobre o que fazer para um crescimento progressivo das empresas.

2018-08-28T15:26:36-03:00