Por que adotar a interfonia condominial?

Proteger a residência, o condomínio ou a empresa com um muro alto, cerca elétrica, sensores infravermelhos e portões eletrônicos pode garantir muita segurança, mas não é o ideal.

Por mais sofisticado que seja o projeto em segurança, estabelecer uma forma de comunicação segura com o lado de fora é essencial para preservar a vida e o patrimônio.

Pessoas armadas e mal intencionadas podem, ainda assim, surpreender negativamente se não houver diálogo com o ambiente externo.

Como a intercomunicação e a interfonia condominial podem atuar na proteção de casas e empresas?

Por que adotar a interfonia condominial?

A utilização de interfones proporciona não só segurança como também conforto.

Para isso, o sistema de interfonia condominial permite a comunicação entre os funcionários e condôminos, o controle de visitas nas portarias e a privacidade dos próprios moradores.

De acordo com o projeto de segurança completo, o sistema de interfonia condominial possibilita o contato do morador diretamente com a portaria, com o porteiro e com os moradores dentro do condomínio.

Além disso, a interfonia permite a ligação a partir de determinadas áreas do local diretamente com a central de monitoramento ou da central de monitoramento com o porteiro do prédio.

Com a interfonia condominal, os moradores podem desfrutar de vantagens como:

  • Caso haja algum incidente dentro de elevadores, por exemplo, por meio de um interfone é possível acionar a central ou a portaria;
  • Evita transtornos de não conseguir pedir ajuda pelo telefone celular, que pode ficar sem sinal;
  • Se o local contar com circuito fechado de TV e monitoramento de imagens, a central pode acionar o porteiro se notar alguma movimentação suspeita.
2018-08-28T15:35:08-03:00